Colatina enfrenta sua pior seca dos últimos anos

Seca já atinge 98% de todo o território capixaba

A seca já provoca racionamento de água em algumas regiões brasileiras. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico, enfrentamos em 2021 a pior crise hídrica em 91 anos de monitoramento das bacias hidrográficas do país. E no Espírito Santo o cenário não é diferente. De acordo com o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), a seca já atinge 98% de todo o território capixaba.

Os dados são do Informativo de Acompanhamento Mensal do Monitor de Secas no Espírito Santo. Segundo o relatório, em junho 85,2% sofria de uma seca fraca, como foi considerada. No mês seguinte, o número subiu para 98%. Destes, no entanto, 46,1% representam um nível mais grave de seca, a moderada.

“No Espírito Santo, devido à piora nos indicadores e a persistência de anomalias negativas de precipitação, houve o aumento da área com seca fraca no estado e o agravamento da seca no norte, passando de fraca para moderada. Os impactos permanecem de curto prazo”, informa o relatório.

Segundo o estudo, 25 municípios da região Norte do estado se encontram nessa classificação. São eles: Água Doce do Norte, Águia Branca, Aracruz, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Colatina, Conceição da Barra, Ecoporanga, Governador Lindenberg, Jaguaré, Linhares, Mantenópolis, Marilândia, Montanha, Mucurici, Nova Venécia, Pancas, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo, Rio Bananal, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São Mateus, Sooretama, Vila Pavão e Vila Valério.

Nessas regiões, os impactos esperados estão ligados principalmente aos danos em pastagens, córregos, reservatórios de água ou poços com níveis baixos e até mesmo a restrições voluntárias de uso de água solicitadas. Caso o se cenário se intensifique, os prejuízos poderão envolver desde a perda de culturas e/ou pastagens até a escassez e restrições impostas do uso d´água.

De acordo com o Climatempo, o sol aparece sol continua forte nessa segunda-feira com máximas de até 30°C.

Fonte: ES360

Comentários